Militares tomam o "poder" na Turquia

Publicado em 15/07/2016 às 17h48

GOLPE MILITAR NA TURQUIA

GOLPE MILITAR NA TURQUIA

O primeiro-ministro da Turquia, Binali Yildirim, afirmou em rede nacional nesta sexta-feira (15) que o país passa neste momento por uma tentativa de golpe militar. Segundo relatos de testemunhas, as pontes sobre o Estreito de Bósforo, em Istambul, foram fechadas. Tanques, caças e militares foram vistos em Istambul e em Ancara, a capital do país. Há relatos de tiros disparados em Ancara.

Segundo Yildirim, a tentativa de golpe é realizada por integrantes do Exército. "Estamos trabalhando com a possibilidade de uma tentativa de golpe. Não permitiremos esta tentativa de golpe", disse. "Este é um ato ilegal tomado por um grupo militar que está agindo fora da linha de comando. Nosso povo deve saber que não permitiremos nenhuma tentativa de ferir a democracia".

O Exército da Turquia informou, em comunicado, que assumiu o poder em todo o país. 

Os primeiros relatos sobre a movimentação dos militares nas duas cidades apareceram nas redes sociais. Vídeos e fotos mostravam soldados fechando as duas pontes que fazem a ligação entre o lado asiático e europeu em Istambul.

A TV turca exibiu imagens de tanques no aeroporto internacional Ataturk, que foi atacado por homens-bomba há algumas semanas em um atentado que deixou 40 mortos.

Em ampliação.

Categoria: Internacional
Tags: GOLPE

voltar para Notícias

show normalcase tsN left fwR|show tsN left fwR|left fwR show|||image-wrap|news login c10 fwB fsN|normalcase uppercase fwB c10|c10 fwB|news login normalcase uppercase fwB c10|tsN normalcase uppercase c10 fwB|normalcase uppercase c10|content-inner||