Celebridades

Homenagem ao Dia Internacional da Mulher

Publicado em 08/03/2016 às 09h44

Homenagem dia internacional da mulher, dia da mulher

Imagens completas em https://www.instagram.com/portalcolina/

Dia Internacional da Mulher 

Dia Internacional da Mulher é celebrado em 8 de março.

A ideia de criar o Dia da Mulher surgiu nos primeiros anos do século XX, nos Estados Unidos e na Europa, no contexto das lutas femininas por melhores condições de vida e trabalho, bem como pelo direito de voto. Inspirada por esse espírito, a líder socialista alemã Clara Zebrino propôs à Segunda Conferência Internacional de Mulheres Socialistas, em Copenhaga, 1876, a instituição do Dia Internacional da Mulher.

Posteriormente, em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro pelo calendário juliano), as comemorações do Dia Internacional da Mulher foram marcadas por manifestações de trabalhadoras russas por melhores condições de vida e trabalho e contra a entrada da Rússia czarista na Primeira Guerra Mundial. Os protestos foram brutalmente reprimidos, precipitando o início da Revolução de 1917.

O Dia Internacional da Mulher e a data de 8 de março são comummente associados a dois fatos históricos que teriam dado origem à comemoração. O primeiro deles seria uma manifestação das operárias do setor têxtil nova-iorquino ocorrida em 8 de março de 1857 (segundo outras versões, em 1908), quando trabalhadoras ocuparam uma fábrica, em protesto contra as más condições de trabalho. A manifestação teria sido reprimida com extrema violência. Segundo essa versão, as operárias foram trancadas dentro do prédio, o qual foi, então, incendiado. Em consequência, cerca de 130 mulheres morreram. O outro acontecimento é o incêndio de uma fábrica, ocorrido na mesma data e na mesma cidade. Não existe consenso historiográfico quanto a esses dois fatos, nem sequer sobre as datas, o que gerou mitos sobre esses acontecimentos. Alguns historiadores afirmam que o incêndio de 1857 não ocorreu (pelo menos, não naquela data), e defendem a ideia de que o incêndio relacionado ao Dia Internacional da Mulher fora, de fato, o incêndio na fábrica da Triangle Shirtwaist, em Nova York, no dia 25 de março de 1911 (ou seja, um ano depois de a proposta de criação do Dia Internacional da Mulher ser apresentada por Clara Zetkin, durante a II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas, em Copenhague). A Triangle empregava 600 trabalhadores, em sua maioria mulheres imigrantes. Na tragédia, 146 pessoas morreram, sendo 125 mulheres e 21 homens.

Na antiga União Soviética, durante o stalinismo, o Dia Internacional da Mulher tornou-se elemento de propaganda partidária.

Nos países ocidentais, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado no início do século, até a década de 1920. Depois, a data foi esquecida por longo tempo e somente recuperada pelo movimento feminista, já na década de 1960. Na atualidade, a celebração do Dia Internacional da Mulher perdeu parcialmente o seu sentido original, adquirindo um caráter festivo e comercial. Nessa data, os empregadores, sem certamente pretender evocar o espírito das operárias grevistas do 8 de março de 1917,[4] costumam distribuir rosas vermelhas ou pequenos mimos entre suas empregadas.

Em 1975, foi designado pela ONU como o Ano Internacional da Mulher e, em dezembro de 1977, o Dia Internacional da Mulher foi adotado pelas Nações Unidas, para lembrar as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres.

Categoria: Arte, Brasil, Celebridades, Dica do Dia
Compartilhar

Wendell Lira vence campeão mundial de "Fifa" por 6 a 1

Publicado em 15/01/2016 às 10h54

Além do Puskás, Wendell Lira vence campeão mundial de "Fifa" por 6 a 1

Wendell Lira, vencedor do Puskás, ganha do campeão mundial do FiFa 2016, o saudita Abdulaziz Alshehri, de 6 x 1 e justifica fama de craque também no game.

Brasileiro consagrado em cerimônia realizada na Suíça aceita desafio do saudita Abdulaziz Alshehri e justifica com goleada fama de craque também no mundo virtual

Wendell Lira e Abdulaziz Alshehri - videogame (Foto: Divulgação / Fifa)
Wendell Lira e Abdulaziz Alshehri: brasileiro venceu o saudita, campeão mundial de Fifa, por 6 a 1 (Foto: Divulgação / Fifa)

 

Wendell Lira não brilhou na Suíça apenas ao vencer o Prêmio Puskás por ter marcado o gol mais bonito do futebol mundial em 2015. O atacante de 27 anos mostrou por que também é uma fera no videogame e venceu simplesmente o campeão mundial de Fifa, o saudita Abdulaziz Alshehri. Mas não foi uma vitória qualquer. Jogando com o Real Madrid, Wendell aceitou o desafio e goleou o rival, que estava com o Barcelona, por 6 a 1.

- Galera, vocês não sabem o que aconteceu aqui no hotel. O campeão mundial de Fifa estava aqui e me convidou para jogar porque eu estava no Prêmio Puskás. Aí joguei com ele. Os “caras” ficaram doidos, ganhei de 6 a 1 – disse Wendell a amigos por meio de áudio enviado a um grupo de WhatsApp dedicado ao game. 

Wendell Lira - videogame (Foto: Reprodução / WhatsApp)
Wendell Lira conta a amigos sobre vitória contra campeão mundial (Foto: Reprodução / WhatsApp)

O jogador, que já foi campeão estadual do game, ainda contou que um dos organizadores do evento brincou que o levaria para o próximo campeonato mundial, a ser disputado em Nova Iorque – o convite não foi formalizado. A paixão de Wendell Lira por videogame é antiga, mas o hobby vai além de diversão e já rendeu muito. Em Goiânia ele já ganhou vários prêmios pelas vitórias no campo virtual. 

- Já ganhei muita coisa. Sou apaixonado, jogo pelo menos cinco partidas por dia. Jogo campeonato online e também presencial. Já ganhei tablet, telefone, televisão. Conheço gente que só vive disso, dá pra ganhar de R$ 4mil e R$ 5mil por mês. Gosto de jogar com o Bayern, mas ultimamente também estou com o Real Madrid – afirmou Wendell Lira ao GloboEsporte.com.

Amigo de infância de Wendell, Guilherme Bagmanian, de 21 anos, lembra que o talento de Wendell Lira com as mãos não é de hoje. 

- Ninguém ganha dele (Wendell Lira) no videogame. Para ganhar, ele tem de estar em um dia muito ruim mesmo, mas é quase impossível – diz Guilherme. 

Categoria: Celebridades, Esportes, Internacional, Tecnologia
Compartilhar

Black Friday de luxo: site promete 60% de desconto em produtos

Publicado em 19/11/2015 às 14h59

Black Friday deve movimentar quase R$ 2 bilhões

A Black Friday já virou data de referência no calendário do varejo brasileiro. Tradicional nos EUA há muitos anos, a sexta-feira com mega descontos foi trazida para o País em 2010 e já soma cifras bilionárias.

Black Friday 2015

O maior Black Friday de 2015 sera realizado no site Black Friday Legal, http://www.blackfridaylegal.com.br , com promoções dos maiores varejistas do Brasil.

Em 2014, a data foi responsável por um faturamento de R$ 1,16 bilhão, mais de 3% da venda anual do e-commerce em apenas um dia. Já para 2015 a expectativa é que o evento movimente cerca de R$ 1,9 bilhão entre as últimas quinta e a sexta-feiras de novembro.

Black Friday, Black Friday 2015, Black Friday Brasil

 Saiba os melhores horários para comprar durante a Black Friday

Uma pesquisa realizada pelo site comparador de preços e produtos Zoom mostra os melhores horários para realizar compras durante a Black Friday, que ocorre no dia 27 de novembro. Os dados apontam que 45% das pessoas que resolvem comprar logo nas primeiras horas, entre 00h e 6h e apenas 10% deixam as compras para depois das 18h. Existe a expectativa que 99% consumam durante a data.

O site demonstra que o horário de pico da última edição do evento ocorreu entre meia-noite e 1h, reforçando que as primeiras horas são as mais concorridas. O período entre a manhã e o início da tarde (das 6h às 14h) foi considerado melhor por 22% dos entrevistados.

Em 2014, foram identificados produtos com descontos superiores a 80% durante o evento. As categorias com os maiores descontos foram bonecas, sapatos e vestidos. Eletrônicos e eletrodomésticos chegaram a registrar quedas de 20% a 30%.

A Black Friday já entrou para o calendário de compras dos brasileiros e as expectativas são melhores para o dia 27 de novembro do que para o Natal, que durante muito tempo foi a data mais forte para o varejo”, afirma Thiago Flores,  diretor executivo do Zoom.  No entanto, o diretor também faz uma ressalva sobre os horários de compra. “Como é um dia normal de trabalho muita gente deixa para procurar o que deseja no seu horário de almoço ou após o expediente. O risco de deixar para comprar no fim do dia é que o estoque do produto desejado pode já ter acabado”.

O evento, que ocorre no dia 27 de novembro, é uma tentativa do varejo brasileiro de instituir uma ocasião para impulsionar as vendas, de maneira similar ao que ocorre após o feriado de Dia de Ação de Graças, que para os norte-americanos é uma data mais tradicional do que o Natal. 

Originalmente, o dia de Ação de Graças era comemorado na quarta quinta-feira do mês de novembro, na região da Nova Inglaterra. Era marcado por festivais em agradecimento às boas colheitas realizadas no ano.

O site Etiqueta Única garante que as peças são analisadas, avaliadas e passam por higienização e sessão de fotos. "A veracidade das imagens e a descrição fiel do estado de uso dos produtos não cria frustrações, dando credibilidade ao negócio", diz a loja online, que tem mais de nove mil clientes cadastrados  e cerca de 150 mil acessos mensais.

Black Friday de luxo: site promete 60% de desconto em produtosBolsa Louis Vuitton Eden Néo – Preço de loja: R$ 11.376,00 – Preço anterior site: De R$ 3.990,00 por R$ 3.290,00. Foto: Divulgação

 

 Black Friday

 

Categoria: Animais, Arte, Brasil, Casa e Decoração, Celebridades, Cinema, Culinária, Dica do Dia, Ecologia, Economia, Educação, Esportes, Estética, Fast food, Fotos, Futebol, Internet, Jaguaré, Lançamentos, Moda, Nutrição, Osasco, Saúde, São Paulo, Tecnologia , Turismo, TV, Vila São Francisco, Zona Oeste
Compartilhar

show normalcase tsN left fwR|show tsN left fwR|left fwR show|||image-wrap|news login c10 fwB fsN|normalcase uppercase fwB c10|c10 fwB|news login normalcase uppercase fwB c10|tsN normalcase uppercase c10 fwB|normalcase uppercase c10|content-inner||